25 agosto 2015

Blogosfera atual x Oldschool

Mesmo estando pouco tempo ativa na blogosfera, já comentei por aqui que havia criado um blog alguns anos atrás, e senti sim, apesar de tudo, uma grande diferença entre estar por aqui naquela época e estar por aqui hoje. As pessoas mudaram, o público mudou, as postagens não são mais elaboradas com cuidado, o respeito entre um blogueiro e outro virou um abismo quase irreversível. Sei que com o passar do tempo as prioridades vão dando lugar para outras, só que quando isso se torna algo ruim e inútil, de nada vale a pena. Para entender melhor sobre esse assunto, resolvi participar de uma blogagem especial que o grupo Rotaroots propôs, onde o principal objetivo é mostrar para as pessoas o que há de diferente entre a blogosfera de antigamente e a que rege atualmente.
É claro que não sou nenhuma voz da experiência para escrever detalhadamente, mas levando em conta os momentos em que passei dentro de grupos e do próprio blog anterior, consegui assimilar muitas coisas, algumas até bem simples, porém, que fazem uma diferença enorme no quesito de convivência. Listei então, alguns pontos importantes que, por acaso, fazem uma falta enorme hoje em dia. Não sei se todos concordarão, porém, é minha opinião.

Comentários oldschool x atualmente. Antigamente, independente do nicho do seu blog, receber um único comentário era sinônimo de muito amor envolvido. Os blogueiros ficavam loucos por saberem que alguém além deles mesmos liam seu próprio blog, e isso era maravilhoso, tinha uma certa mágica em comentar nos posts das outras pessoas e depois receber um email com a resposta. Hoje, a maioria dos comentários são divulgações, pessoas pedindo para você segui-las nas dez redes sociais em que são cadastradas. Por vezes, nem uma resposta recebemos. Focar no assunto do post? Não, isso virou brega. Aliás, um brega que cairia muito bem se voltasse à moda.

Seguidores oldschool x atualmente. Conseguir um seguidor era a coisa mais difícil do mundo para um blogueiro. Você tinha de escrever um post bonitinho, bem elaborado e de preferência que não fosse parecido com nenhum outro. Ter um seguidor era como ser famoso. Hoje, seguidores são distribuídos de graça em grupos de divulgação, com blogueiros comprando outros blogueiros em troca de um simples número a mais na contagem. A diferença? Bem, esse um a mais não olhará seu blog nem irá interagir com você. Por um mundo com mais seguidores fiéis que sigam porque gostam, e não porque querem que os siga de volta.

Postagens oldschool x atualmente. As postagens eram a chave principal de entrada para conquistar leitores. Se você escrevesse bem e tivesse um bom ritmo de conteúdos originais, conseguia um espaço confortável dentro da blogosfera. Hoje? Juro que não quero desmerecer quem tem um blog de moda, mas realmente é o que mais chama atenção. Se você tem um blog, ele tem que ter look do dia, indicação de esmalte semanal e se ainda sobrar um tempinho, um tutorial de como fazer aquela maquiagem arrasadora. Textos próprios? Ninguém quer ler sobre sentimentalismo. Uma pena.

Layout oldschool x atualmente. O quesito que teve a maior mudança por aqui foi o layout. Não vou ser hipócrita e falar que não ligo para a aparência, ligo sim, adoro ver um blog todo arrumadinho, com um layout organizado e diferenciado, mas nunca deixei de seguir alguém por ter um layout padrão. O conteúdo era o essencial na blogosfera antiga, ninguém se importava muito com a roupinha do blog, afinal, ninguém sabia mexer direito em HTML. Hoje, com tantos tutoriais e templates gratuitos, a aparência de um blog virou o principal.

Blogueiros oldschool x atualmente. Ser um blogueiro se tornou bem generalizado. Desde que você tenha um blog, significa que você já possui esse posto, o que não é errado, apenas equivocado. Sou uma blogueira? Sou. Cumpro com meu status? É aí que entra o problema. Antigamente, significava que você tinha uma ligação com seus leitores e parceiros, não poderia os deixar na mão, nem mesmo em relação a um simples comentário. Ser um blogueiro era sinônimo de cumprir com suas responsabilidades, interagir, participar do mundo da blogosfera. Atualmente, ninguém mais quer ter leitores, só querem números elevados no blog e na página do Facebook. Não há mais amizades, apenas pessoas tratando as outras como se fossem inimigos ou como se estivessem competindo pelo mesmo trabalho. Um blog nunca foi sinônimo de ganhar dinheiro, sempre foi apenas um meio de nos expressarmos. Hoje não é mais por aí.

32 comentários:

  1. Tenho orgulho em dizer que sou oldschool viu? hahahah

    ResponderExcluir
  2. Tenho orgulho em dizer que sou oldschool viu? +1 *-*

    ResponderExcluir
  3. Como não amar um post que foi feito para aqueles que estão entrando agora nesse mundo entender que tipo de blogueiro quer ser.
    Meu primeiro blog foi criado em 2001 e era totalmente um diário particular, lá chorava minha pitangas a vontades,e ficava tipo "aí meu deusu alguém me leu" ahha. E não tinha nada arrumadinho, assim como você falou rs.
    Hoje as pessoas postam por números (a grande maioria) e também não estão interessada se o leitor gostou ou não, apenas querem que eles curtam.
    Por outro lado ainda vejo que existem pessoas que estão nessa por amor, por acreditarem no que fazem ,e fico feliz em saber que faço parte dessa galera. Huuuu <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade moça, quando criei o meu primeiro também usava justamente para isso, para desabafar a vontade. Não ligava para o que as pessoas achariam disso e nem mesmo mexia no layout, não sabia nem o que era os padrões do Blogger aeiheiuh. Hoje todos querem fama, e infelizmente é a mais pura realidade. Também fico muito feliz em saber que faço parte dessa outra família do amor ♥

      Excluir
  4. Quase nunca comento, mas meu Deus, quanto amor por um post só <3 Há anos venho querendo lançar meu blog, mas nunca estava satisfeita ou disposta a me comprometer e concordo em tudo com você. Há pelo menos uns três anos atrás, um único comentário era motivo para celebração, sorteios e afins e hoje a maioria dos blogueiros (e blogueiras) nem se dão ao trabalho de responder. Acredito que essas pessoas não saibam o prazer de ter pessoas que realmente se interessam pelo conteúdo do blog. Como você mencionou, o layout é muito importante sim, mas um conteúdo voltado para os leitores, feito pensado nos leitores e etc, jamais sairão de moda para mim. Inclusive, o mínimo que podemos fazer é criar um post bem elaborado e com conteúdo de verdade - divertido, informativo ou o que for - para que os leitores se sintam bem lendo ao invés de ficar duas horas fechando anúncios e etc até finalmente conseguir acessar um post decente. Inclusive, algo que desde que me aventurei pelo mundo dos blogs, jamais mudará para mim, é o fato de as pessoas que leem meu blog são meus leitores, e não seguidores. Até porque acho que seguidor é uma palavra feia. Não quero pessoas seguindo meu blog, quero pessoas o lendo. Post incrível, super verdadeiro e realista. Beijões <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Awn, já é um avanço ver um comentário seu então ♥ É verdade, também detesto me referir aos que leem meu blog como "seguidores", afinal, não quero ser o exemplo de ninguém, apenas quero me sentir confortável no meu próprio cantinho e saber que existem pessoas que gostam daquilo que escrevo. E sim, concordo plenamente quando diz que o layout é importante mas o conteúdo é indispensável. Fico super feliz sabendo que gostou do post ♥

      Excluir
  5. Verdadeee! Já tive vários blogs de 2003 para cá e acabava excluindo eles com medo das pessoas verem as minhas coisas , mas só tomei coragem de uns tempos para cá , quando percebi que as pessoas gostavam de ler o que eu escrevia , por motivos de passarem coisas parecidas. E siim como você disse ( não desmerecendo ) mas hoje as pessoas só gostam mais de blog com looks , que falam sobre moda e etc... Adorei o post!

    Tenho orgulho em dizer que sou oldschool viu? +2 haha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quem não tem orgulho disso né? ♥ Antigamente realmente se tinha esse pensamento, acho que até hoje ainda tem um pouco disso, da rejeição, de não agradar os outros, mas o importante é o que fazemos para nós mesmos. Aliás, que bom que tomou coragem.

      Excluir
  6. saudades blogosfera oldschool onde todo mundo escrevia sobre o que queria e não sobre o que estava na moda (não aguento mais entrar em blog com esmalte da semana, nem pintar a unha eu sei direito hahahaha) e todo mundo tinha aqueles templates free cheio de frufru (era a melhor parte, confesso). http://blogmareland.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me esqueci completamente dos templates, mas é a pura verdade. Realmente eram layouts bem elaborados e "menininha" que chamavam a atenção de longe. Saudades mesmo ♥

      Excluir
  7. Meu deus, vamos ser amigas!!! Hahahaha caraca, você falou tudo! Desde mais novinha sempre tive blogs, mesmo que daqueles que você posta por uns 3 meses e deixa parado por mais tres, e era uma coisa minha, eu adorava. Nos ultimos meses, resolvi voltar pra essa "vida" e relembrei do quanto adoro blogar! Mas, infelizmente, as pessoas não levam mais como antigamente. Já perdi a conta de quantos "você tem que fazer posts de moda e maquiagem pra ganhar visualizacoes" ouvi, e que absurdo! Visualizacoes, seguidores e numeros viraram tudo que importa? Por uma blogosfera oldschool!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vamos ♥ É verdade, também era um pouco assim na época, você entrava uma vez ao mês para dar uma olhadinha e escrever algo, e só. Não levam mesmo, agora é mais voltado a números e a quantos seguidores se tem. Perdeu a essência. POR UMA BLOGOSFERA OLDSCHOOL ♥

      Excluir
  8. Só falou verdades! Infelizmente a blogosfera passou por várias mudanças nos últimos tempos, e muitas foram ruins. Ser blogueiro hoje virou meio que "modinha", muitos já não fazem isso por amor e sim apenas pelo dinheiro. É bem triste ver tantos blogueiros desesperados por aí trocando seguidores e likes... é uma pena que eles não se deem conta de que isso não é algo que vai trazer leitores que realmente gostem do conteúdo do blog.
    Outra coisa também é o que tu disse sobre blogs de moda. Sem desmerecer, mas é praticamente só isso que as pessoas procuram. Parece que buscam apenas se inspirar em lifestyle e coisas do tipo, em vez de buscarem por inspirações do coração. Mas nós continuamos firmes e fortes, e é legal saber que tem gente que assim como a gente, gosta desse lado mais sentimental ♥ Adorei o post.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exato, você falou exatamente o que eu esqueci de comentar: virou uma grande modinha. O problema mesmo é que tais pessoas não estão interessadas em ter leitores, querem mesmo crescer a custa de qualquer coisa e não se ligam se estão ou não fazendo um papel feio. É sim muito bom gratificante saber que ainda existem tantos outros que se importam de verdade com o objetivo de se ter um blog. Fico muitíssimo feliz por ter gostado e por fazer parte da antiga blogosfera ♥

      Excluir
  9. Há tempos eu queria fazer um post assim, mas você já disse tudo que tinha a dizer. Eu lembro da época dos blogs .kit.net, bol, uol e muuuuitas outras plataformas! Era tudo tão simples com os layouts extravagantes e textos próprios. Eu concordo contigo, hoje em dia a originalidade se perde entre looks do dia, esmaltes da semana e "venha conferir como fazer a maquiagem bombástica da diva do pop". Mas mesmo assim, em meio a tanta indiferença, encontramos pessoas como você, como a Mari e todos esses blogs amorzinhos que seguimos que não deixaram a essência se perder por aí ♥ Um beijo!

    Com amor, Beca; Café de Beira de Estrada ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você também está inclusa na parte dos blogs amorzinhos que seguimos e que não deixam a essência de lado ♥ A grande maioria do público, talvez por seguir grandes blogueiros que envolvem moda em tudo, se incomodam com o fato de que nem todo mundo curte falar sobre isso, e que um blog é algo extremamente pessoal. Dá saudade do que era.

      Excluir
  10. Não pude deixar de comentar! O que eu mais sinto na pele é a parte dos posts! Meu blog é focado em textos, com muito sentimentalismo envolvido e tudo o mais, mas posto de vez em quando uma coisa ou outra sobre moda e beleza, e agora estou com uma Playlist semanal. Fico indignada de ver que os posts mais visualizados e curtidos são justamente esses – que não são o foco do meu blog. E vou falar a verdade viu... essas coisas muitas vezes me desaminam a continuar. Amei o post! Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito ruim quando temos um foco e as pessoas têm preguiça de interagir com um post por ele ser mais longo ou ter mais texto. Não tem coisa pior do que ver um post seu mega fútil com centenas e comentários enquanto um texto não recebe nem mesmo uma opinião. Acredito que o problema, nesse caso, sejam os leitores, que estão cada dia mais na zona de conforto. Mas fico mega feliz que tenha gostado do post ♥

      Excluir
  11. ah, que saudades da blogosfera antiga :(
    Vc falou tudo.. hoje em dia tudo é moda, número de like, layout cheio de frifri. Zzzzz...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudade mesmo moça. Na verdade o layout cheio de "frifri" era do lado antigo mesmo, que se usava glitter escorrendo pelas bordas e letras coloridas. Hoje todo mundo quer ver um layout profissional, e, quem não tem, simplesmente perde ponto com o público. Ainda não sei onde foi parar os leitores e blogueiros de verdade.

      Excluir
  12. Ótimo texto moça. Eu fiquei impressionada com as mudanças que vi agora que decidi voltar para esse "mundo", não existe mais companheirismo,interação a menos que seja pra conseguir divulgação e lotam os comentários de todas as redes sociais com divulgação... Poxa, é triste isso sabe? A impressão que dá é que não me encaixo mais, não entendo o que acontece e como funciona "as paradas" hoje em dia, to totalmente perdida no meio dessa new age...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. New age. Também me sinto assim as vezes, como se fizesse parte de um grupo extremamente diferente e aleatório, da qual não se encaixa em absolutamente nenhum nicho. Só que lá uma vez ou outra ainda se pode encontrar blogueiros que se importam com seus leitores, com seu conteúdo e com o dos outros também. Esses grupos de interação pelo Facebook é que andam me salvando ♥

      Excluir
  13. Oi, Kelly! Poxa, eu tava pensando nesse assunto esses dias mesmo! Muito legal você ter feito um post. Tem umas duas semanas mais ou menos que entrei no blog da Lia Camargo (se eu não me engano, o que tá na ativa há mais tempo, desde 2000 e pouco) e vi o QUANTO mudou. Antes os blogs eram realmente um diário, uma zoeira, uma forma de se expressar e conhecer gente nova. É muito triste ver que essa espontaneidade tem se perdido cada vez mais na blogosfera, tudo virou questão de números, curtidas, seguidores, e enquanto isso a verdadeira paixão por escrever e ser lido vai sendo deixada de lado. Concordo com você, quero isso de volta!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também percebi as mudanças dos blogs que acompanhava antigamente, uns cresceram na mesma essência inicial, mas outros foram seguindo outros caminhos e assim por diante. Todos queremos de volta, penso que por isso há tantos projetos e grupos para a união dos blogueiros que ainda se importam com isso ♥

      Excluir
  14. Olá querida
    Eu tenho meu blog a cinco anos e realmente percebi várias mudanças. Antes meu blog tinha muitos textos pessoais. Hoje ainda tem, mas já não são tantos. Isso também é porque eu estava em uma fase deprê e eu deprê fico inspirada haha. Ainda hoje eu me encanto por receber um comentário e ganhar um novo seguidor. Eu tento responder a todos os comentário, participar em outros blogs... Acho que o que tento mesmo é trazer a OldSchool de volta.
    Um beijo

    Vidas em Preto e Branco 

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tento fazer isso Lary, sinto uma saudade imensa daquela época e da despretensão que as pessoas tinham. Não era uma obrigação postar todos os dias e muito menos ter um grande número de leitores/seguidores. De qualquer forma, é sempre bom poder enxergar as mudanças ♥

      Excluir
  15. Não é assim com todos os blogs. Eu sou adepta do wordpress, gosto de cultura otaku (na verdade, creio que não há nada de que eu não goste >.<) e conheço muitos blogs que, tal como o meu, são sinceros a escrever, a postar, intercalando a informação com coisas bem sinceras. Nota-se isso. Esses elementos da oldschool que você citou ainda existem, POR FAVOR ACREDITE pois eu ando a tentar convencer mais blogs "comerciais" (não se ofenda, não quero usar isto como um rótulo) de que estão aí e que nem é tão difícil resgatar essa espontaneidade de postar. Aliás, eu tenho visto muitas blogueiras saudosas da blogosfera antiga e a reclamar da atual, mas mais do que dizer, o importante é FAZER, é mostrar que esse espírito da blogosfera antiga ainda está presente, nem que seja PORQUE VOCÊ ESTÁ AÍ E VOCÊ TEM ESSE ESPÍRITO. Talvez, de facto, o número de blogueiras que está mais interessada na sinceridade e carinho do que faz seja diminuto em comparação com antigamente, mas não é nulo, não desapareceu, pode vir a aumentar e não deve ser tratado como não existente, pois isso é uma forma de desistir dele. Nem todos os blogs andam por aí a pedinchar divulgação, a dominar comentários ocos e a ganhar dinheiro com o blog. Eu não ganho, e a maioria das minhas amigas da blogosfera não ganha também. E continuar a ser assim ignorada faz-me querer convencer a maioria delas a vir a vários destes blogs gritar um "estou aqui!", pois por este andar, entre tantas reclamações e lamentos, não seremos ouvidas tão cedo.

    Se quiser dar uma olhada e ver que é assim, o meu blog é o Forever Sapo ( 4ever-sapo.blogspot.pt) e nos meus afiliados encontrará mais blogs como o meu. Alguns são um pouco amadores, sim, mas são todos completamente honestos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ops, queria dizer que sou adepta do blogger, aqui a palerma anda a ver tantos blogs no wordpress que troquei acidentalmente a palavra

      Excluir
    2. Bom, em momento algum eu disse que não existem mais pessoas assim, afinal, eu sou assim, vivo falando sobre isso por aqui, vivo tentando interagir, mesmo que nem sempre como quero, mas da melhor forma que consigo com quem me lê, assim como sei que a grande maioria das pessoas que também são meus amigos por aqui, seguem o mesmo ritmo. E sim, você tem toda razão quando diz que o importante mesmo é fazer, e que bom que tentamos fazer isso, mas o fato é que realmente acabou aquilo. Uma em vinte postagens em algum grupo é para divulgar um trabalho bem feito, de qualidade. As outras dezenove são com troca de seguidores, divulgações excessivas ou pré-julgamentos sem nexo. Mas eu sei sim que existem inúmeras pessoas que ainda tentam fazer diferente, e é maravilhosamente bom saber que você se encaixa nesse grupo, porque o importante é fazer a diferença, é mostrar que se importa e que aquilo que se está vivendo não condiz com o que deveria ser. Eu sou uma amadora.

      Excluir
    3. E tudo bem pela troca aueiauhe, também sou adepta ao blogger, então somos duas ♥

      Excluir

Design e conteúdo por Kelly Mathies | Tecnologia do Blogger | Com amor ❤